Publicada a nova versão da ISO/IEC 17025

A edição traz as mais recentes mudanças no ambiente de laboratórios de ensaio e calibração

A mais conhecida norma técnica internacional sobre competência de laboratórios de ensaio e calibração, a ISO/IEC 17025 acaba de ser publicada em nova versão, que contempla as últimas mudanças nesse ambiente, assim como as práticas mais recentes. No Brasil, o Projeto de Revisão da norma, adotada pela Associação Brasileira de Normas Técnicas como ABNT NBR ISO/IEC 17025 – Requisitos Gerais para Competência de Laboratórios de Ensaio e Calibração, encontra-se em Consulta Nacional até o dia 10 de dezembro, e a publicação está prevista para janeiro ou fevereiro de 2018.

Referência mundial, a ISO/IEC 17025: 2017 possibilita que os laboratórios produzam resultados altamente confiáveis e, dessa forma, demonstrem que são tecnicamente competentes. A norma é fruto de trabalho conjunto da Internacional Organization for Standardization (ISO) e da International Electrotechnical Commission (IEC), sob a gestão do Comitê ISO de Avaliação de Conformidade (ISO/CASCO).

Esta é a terceira edição da norma, que cancela a versão anterior, de 2005, e traz, entre as principais alterações: a nova definição para laboratório (3.6 – organização que realiza uma ou mais das seguintes atividades: ensaio; calibração; amostragem, associada com ensaio ou calibração subsequente); redução de requisitos prescritivos e sua substituição por requisitos baseados em desempenho, possibilitada pela aplicação da mentalidade de riscos na elaboração da norma; e maior flexibilidade em relação à edição anterior nos requisitos para processos, procedimentos, informação documentada e responsabilidades organizacionais.

Em seu escopo, a ISO/IEC 17025:2017 especifica os requisitos gerais para a competência, imparcialidade e operação consistente dos laboratórios. É aplicável a todas as organizações que realizam atividades de laboratório, independentemente do número de funcionários.


Foco na competência

Na introdução da nova ABNT NBR ISO/IEC 17025, é ressaltado que a norma foi desenvolvida com o objetivo de promover a confiança na operação dos laboratórios, porque contém requisitos que lhes permitem demonstrar que operam com competência e são capazes de gerar resultados válidos. Informa ainda que os laboratórios que estejam em conformidade com este documento também operarão, de modo geral, de acordo com os princípios da ISO 9001.

É destacada também a necessidade de o laboratório planejar e implementar ações para abordar riscos e oportunidades, já que essa atitude estabelece uma base para aumentar a eficácia do sistema de gestão, alcançar melhores resultados e prevenir efeitos negativos. O laboratório é responsável por decidir quais riscos e oportunidades necessitam ser abordados.

Ao final da introdução é observado que a utilização do documento facilitará a cooperação entre laboratórios e outros organismos e ajudará no intercâmbio de informações e experiências, bem como na harmonização de normas e procedimentos: “A aceitação de resultados entre países é facilitada se os laboratórios estiverem em conformidade com este documento”.

Para conhecer o Projeto de Revisão em Consulta Nacional, acesse:
http://www.abntonline.com.br/consultanacional/projetfile.aspx?P=26158&F=28122


Capacitação

Um dos cursos oferecidos pela área de Capacitação da ABNT sobre a norma internacional para laboratórios de ensaio e calibração tem programação para São Paulo e Rio de Janeiro até o final de 2018:

Requisitos gerais para competência de laboratórios de ensaio e calibração – ABNT NBR ISO/IEC 17025:2005, destinado a gerentes e supervisores da qualidade e outros profissionais que atuam em Sistemas de Gestão da Qualidade. Seu objetivo é apresentar os requisitos necessários para que laboratórios implementem seu Sistema de Gestão da Qualidade em laboratório, demonstrando dessa forma que têm a competência técnica necessária para assegurar a confiabilidade nos resultados entregues aos clientes. Tem duração de 16 horas, em dois dias, das 8h30 às 17h30. As aulas estarão a cargo dos instrutores Gláucio Issao Horita, em São Paulo, e José Antonio Poli, no Rio de Janeiro.

Turmas para 2018 em São Paulo: 18 e 19 de janeiro; 19 e 20 de fevereiro; 5 e 6 de abril; 14 e 15 de junho; 16 e 17 de agosto; 8 e 9 de outubro; 3 e 4 de dezembro.

Turmas para 2018 no Rio de Janeiro: 22 e 23 de janeiro; 6 e 7 de março; 21 e 22 de maio; 9 e 10 de julho; 10 e 11 de setembro.

Para saber mais sobre este curso, incluindo política de descontos, acesse: http://www.abntcatalogo.com.br/curs.aspx?ID=58

Sob consulta, é oferecido também o curso Análise e interpretação da Norma ABNT NBR ISO/IEC 17025 – Implantação de sistema de gestão da qualidade em laboratórios de ensaio e calibração, tendo como público alvo todos os profissionais que atuam nessa área. Este é um treinamento de 20 horas em 3 dias consecutivos. Para contratar: http://www.abntcatalogo.com.br/curs.aspx?ID=2218.

Mais informações sobre os cursos oferecidos pela ABNT podem ser obtidas pelo telefone (11) 2344.1722, ou pelo e-mail cursos@abnt.org.br


Sobre a ABNT

A ABNT é o Foro Nacional de Normalização, por reconhecimento da sociedade brasileira desde a sua fundação, em 28 de setembro de 1940, e confirmado pelo Governo Federal por meio de diversos instrumentos legais. É responsável pela gestão do processo de elaboração das Normas Brasileiras (NBR), destinadas aos mais diversos setores. A ABNT participa da normalização regional na Associação Mercosul de Normalização (AMN) e na Comissão Pan-Americana de Normas Técnicas (Copant) e da normalização internacional na International Organization for Standardization (ISO) e na International Electrotechnical Commission (IEC), influenciando o conteúdo de normas e procurando garantir condições de competitividade aos produtos e serviços brasileiros, além de exercer seu papel social. Além disso, a ABNT também é um Organismo de Avaliação da Conformidade acreditado pelo Inmetro para a certificação de diversos produtos, sistemas e programas ambientais, como o rótulo ecológico e a verificação de inventários de gases de efeito estufa.


 

Compartilhe!

Deixe uma resposta

Exibir botões
Esconder botões