A multinacional Wärtsilä desenvolve soluções para o tratamento da água de lastro e assina acordos com estaleiros, para facilitar a adaptação desses sistemas

Em setembro deste ano, após a adesão da Finlândia, entrará em vigor a Convenção Internacional para Controle e Gerenciamento da Água de Lastro e Sedimentos de Navios, assinada em 2004. O objetivo é regulamentar a gestão e controle da água de lastro dos navios, o que deverá minimizar o risco de disseminação de organismos aquáticos nocivos e agentes patogênicos, que ameaçam a ecologia e o bem-estar econômico do planeta. Para se adequar às novas normas da Organização Marítima Internacional (OMI), os navios enquadrados na Convenção precisarão instalar um sistema para tratamento desta água. A multinacional finlandesa Wärtsilä, fornecedora de equipamentos navais para construtores, armadores e operadores de embarcações e instalações offshore, passou a assinar acordos com uma série de estaleiros para facilitar a instalação e adaptação de suas soluções para este fim, as AQUARIUS® UV e EC.

Os sistemas de gestão de água de lastro AQUARIUS® UV e EC utilizam o tratamento por ultravioleta (UV) ou eletrocloração (EC) e filtragem, em unidades de tratamento únicas. O mais recente estaleiro a assinar um acordo com a empresa é o Keppel Shipyard Ltd (KSL) de Singapura. Os acordos visam fornecer aos armadores e operadores todas as informações e assistência necessárias relativas aos equipamentos. Juntos, é possível oferecer capacidades completas de engenharia, aquisição e construção, de acordo com as necessidades de cada projeto. Além disso, os estaleiros fornecem as facilidades para docagem seca e os recursos de instalação necessários.

Devido ao período relativamente curto antes da entrada em vigor dos regulamentos, é esperado um forte crescimento de demanda para os serviços de retrofitting de embarcações. “A Wärtsilä adotou uma abordagem pró-ativa na preparação para a entrada em vigor dos regulamentos da convenção e, em cooperação com os grandes estaleiros, como o Keppel Shipyard Ltd, estamos muito bem posicionados para atender frotas inteiras que precisam se adaptar a esses requisitos, e podemos prestar um valioso serviço aos armadores”, diz Markus Ljungkvist, Gerente Geral, Projeto de Vendas, Wärtsilä Services.

Atualmente, a Wärtsilä possui instalações de produção de BWMS no Reino Unido e na China, bem como acordos de fabricação com as empresas chinesas COSCO Weihai e CSSC JiuJiang.


Fonte: Approach Comunicação


 

Compartilhe!

Deixe uma resposta

Exibir botões
Esconder botões